Artigos

31 de outubro de 2018
Share on facebook
Compartilhe
Share on google
Compartilhe
Share on twitter
Compartilhe
Share on linkedin
Compartilhe

Excesso de Peso afeta os Resultados da Fertilização in Vitro?

Que o excesso de peso afeta a fertilidade, disso não temos dúvidas. Que parece diminuir as taxas de sucesso em tratamentos de medicina reprodutiva, parece, também, algo comprovado.

Baseado nessas premissas, pesquisadores brasileiros do Instituto Sapience e do Fertility Medical Group realizaram uma pesquisa sobre os efeitos ruins do excesso de peso nos resultados de FIV (Fertilização in Vitro).

Foram avaliados o IMC (Índice de Massa Corporal), a circunferência da cintura, a relação cintura-quadril e a relação cintura-altura. Esses índices foram comparados com a resposta ovariana ao estímulo hormonal nos ciclos de FIV, com a qualidade seminal e com os resultados finais da FIV. Foram estudados 402 casais de 2010 a 2016. Os seguintes achados demonstraram as dificuldades que foram encontradas devido ao excesso de peso:

1- Quanto maior o peso da mulher maior a dose de medicações para estimular os ovários, consequentemente, maior o custo do tratamento.

2- Quanto maior a cintura e a relação cintura-quadril da mulher menor o número de óvulos maduros coletados.

3- Quanto maior o peso da mulher menor o número de óvulos coletados.

4- Quanto maior o peso do homem pior o volume e concentração seminal e movimentação dos espermatozoides.

5- Homens com menor IMC tiveram mais embriões em desenvolvimento, maiores taxas de implantação embrionária e de gravidez.

6- Casais com maior IMC tiveram menos embriões e menores taxas de implantação embrionária e gravidez.

7- Não houveram diferenças nas taxas de gravidez e abortamento quando somente a mulher apresentou IMC acima do normal.

Esses dados demonstram que o peso adequado, assim como todas as medidas antropométricas dentro da normalidade têm um efeito de proteção sobre a fertilidade e que mesmo recorrendo a técnicas de medicina reprodutiva, o casal poderá ter mais dificuldades em engravidar se estiver acima do peso. Devemos nos conscientizar que o excesso de peso não é, definitivamente, um ponto favorável à nossa fertilidade.

Fonte: Journal of Assisted Reproduction and Genetics. Outubro de 2018.

Texto escrito por Daniel Diógenes. Médico Especialista em Medicina Reprodutiva. Sócio-Diretor da Clínica Fertibaby Ceará.

 

 

 

Artigos relacionados

× Como posso te ajudar?